Releases

Empreende Flex: Iniciativa fomenta empreendedorismo entre profissionais

Em 2020, Empreende Flex ganhou novo formato. Em ambiente digital, profissionais participam de workshops e atividades com foco em finanças, gestão e cultura empreendedora. 

 

Mapa Brasil 

O sonho de ter o próprio negócio é uma realidade vivenciada por cada vez mais brasileiros nos últimos tempos. É o que mostra os dados do Mapa de Empresas apresentado em junho, pelo Ministério da Economia. De acordo com o boletim, somente no primeiro quadrimestre deste ano, mais de um milhão de empresas foram abertas. Desse volume, quase 700 mil continuaram ativas. Apesar do fechamento de pouco mais de 351 mil empresas, o governo considera o saldo do período positivo. Se por um lado o jeito menos burocrático pode ter contribuído para os números positivos do primeiro quadrimestre, por outro, as iniciativas realizadas por empresas privadas também podem estar influenciando a abertura de novos negócios. Na Flex, esse incentivo é fomentado por meio do Empreende Flex, iniciativa que desperta o espírito empreendedor nos profissionais com a realização de diferentes atividades. 

“Entendemos que, se queremos estimular o espírito e comportamento empreendedor nos nossos profissionais, possibilitando que iniciem ou aprimorem seus negócios, precisamos desenvolvê-los nesse sentido”, salienta Elaine Reuter, supervisora de Responsabilidade Social, área responsável pela iniciativa na empresa.  

O Empreende Flex foi criado em 2018 e, de lá pra cá, tem movimentado os profissionais que possuem algum tipo de negócio, capacitando-os por meio de cursos, palestras, workshops e feiras de negócios nas unidades. “Em 2019 a iniciativa gerou, aproximadamente, R$ 34 mil em negócios e, em Lages, foi realizada palestra em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae)”, reforça Elaine. 

Em 2020, em virtude da pandemia de Covid-19, a iniciativa precisou ser reestruturada para o ambiente digital. Até o final do ano, os mais de 60 inscritos no projeto participarão de workshops ministrados por profissionais ligados às áreas de Finanças, Planejamento Organizacional e Gestão de Pessoas. 

Espírito Empreendedor 

O trabalho voluntário realizado em projetos sociais, com foco em educação e sustentabilidade, foi um dos motivos que levou Bianca de Assis, instrutora de treinamento na Unidade Boa Esperança da Flex, em São Paulo, a colocar em prática sua vontade de empreender. Há cerca de um ano, a profissional apostou no ramo de sustentabilidade, com a venda de plantas decorativas. A sua participação no Empreende Flex, potencializou o seu negócio e a ajudou, principalmente, no planejamento. 

Bianca de Assis Empreende Flex

“Comecei a colocar em prática o planejamento organizacional. Defini um objetivo e planejei estratégias para que esse objetivo fosse alcançado. Hoje, enxergo o meu negócio como uma renda extra e fixa. Tenho participado dos workshops e tudo tem me ajudado, mas, o que mais tenho visto retorno, é no planejamento financeiro”, acrescenta a profissional. 

Quem também tem obtido sucesso nos negócios, reforçado com a capacitação no Empreende Flex, é a teleatendente Priscila de Oliveira Perufo. Há três anos, a profissional que trabalha na Unidade Continente faz bolos e salgados para festa e revenda. Na iniciativa, ela enxergou a oportunidade de aprender ainda mais. 

“Procuro estar sempre informada de tudo o que acontece na empresa. Quando soube do Empreende Flex, perguntei para minha supervisora como funcionava e se eu podia me inscrever. Achei estranho uma empresa querer desenvolver empreendedores, mas vi ali uma chance de aprendizagem e crescimento”, afirma.  

Com foco em desenvolver o próprio negócio, Priscila Perufo se cadastrou e, hoje, colhe os frutos do aprendizado que adquiriu e continua obtendo no Empreende Flex. “Estou adorando. A empresa está de parabéns pela iniciativa. A minha maior dificuldade era entender que os investimentos do negócio não podem misturar com as coisas de casa. Que precisamos de organização e determinação. O Empreende está mudando a visão que eu tinha do que é empreender. Hoje, já penso em expandir o negócio. A meta agora é montar uma confeitaria”, acrescenta a teleatendente.  

Fluxo de abertura de empresa

Empreende Flex: do cenário ao plano de negócio 

Do entendimento do cenário até a criação de um plano de negócio, os profissionais passam por uma série de etapas durante os cursos do Empreende Flex. “Primeiro conversamos sobre as atitudes e habilidades necessários para um empreendedor. Depois, como se cria a visão, missão, valores e metas de um negócio, seguindo como se calcula os critérios entre despesas e receitas. Logo em seguida, salientamos o que é necessário para colocar o empreendimento no mercado e como usar as mídias sociais a seu favor. Até o final do ano, falaremos sobre liderança, como ser líder do seu negócio, como empreender, como liderar, como delegar e, ao final, montaremos um plano de negócio”, explica Elaine Reuter. 

Atualmente, o Brasil possui mais de 19 milhões de empresas ativas. De acordo com o Mapa de Empresas, de janeiro a abril deste ano, os setores que mais se destacaram foram os de Serviços (46,13%) e Comércio (35,38%). Considerando o fluxo do processo de abertura de empresas atual (que passa pela viabilidade da atividade no município, registro e inscrição e licenciamento), alguns fatores, como, a automatização do registro empresarial e a redução no tempo médio para abertura de um negócio no país, podem ter contribuído para o aumento no número de empresas ativas em 2020. Apesar do crescimento apresentado no início do ano, o cenário foi prejudicado pela pandemia, impactando o saldo de empreendimentos ativos entre março e abril. 

Por isso, no intuito de também preparar os profissionais para as adversidades que um negócio pode sofrer, além de capacitá-los sobre planejamento e gestão, o Empreende Flex também reúne competências que ajudam na preparação para enfrentar os desafios e possíveis imprevistos. 

“Dentro do Empreende Flex, também trabalhamos questões voltadas aos soft skills, pois não basta ter apenas o conhecimento técnico, que é tão importante nesse momento. É importante, também, saber quais são as atitudes e habilidades necessárias para desenvolvimento do negócio em um mercado em transformação”, salienta a supervisora. 

 

Conheça outras iniciativas da Flex. 

Compartilhar:

05 de outubro de 2020

Compartilhar:

Imprensa:

Assessoria de Imprensa Cris Moraes

paula@crismoraes.com.br

cris@crismoraes.com.br

+55 11 2305-3540